Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 21 de junho de 2009

"Miró é meu filho, mamãe"...

"Miró é meu filho, mamãe"...

 

 

Aniversário de Dante, filho de amigos, foi show: animais levados por Lulão, um recreador conhecido que só a gota pela criançada da cidade (arroz de festa :))). Bem, Theo apaixonou-se pelo coelho. Ele é louco por animais. em casa, tivemos Volpi, Clara (que não estão mais) e agora Miró. Um gato de quatro meses virado no “mói de coentro”.

Bem, Theo levou alguma de suas máquinas, mas por um tempo, o coelho encheu seus olhos.

Momento pausa. Ele e Dani Lacerda:

“Theo, duvido tu prender este gelo no copo! Segura com força a boca (apertando o copo)”.

– e Theo fazendo tudo que ela falava…

“Mesmo assim, tu vai ver. O gelo vai fugir e tu não vai conseguir…”

“Vou sim. Ee não vai sair”.

“Vai sim. Espera um pouco e tu vai ver que ele vai sair. Olhe aí (o gelo derretido). Ele fugiu”.

“Ele fugiu não. Ele está aqui. Só que em forma de água”.

“Então tá.” : (

ps: historinha contada por tia Dani.

Anúncios

Read Full Post »

Lembrei do Dia das Mães porque ontem (sábado, 20), saindo de casa, Theo queria levar o ventilador azul (que Teca deu ). E a gente disse que não dava e tal. Diálogo corriqueiro. É sempre isso antes de sair.

Na negociação, levou o cooler e um pendurado no pescoço (que também é lanterna). São ventiladores coringas do “combinado” constante. São fáceis de levar e não são, digamos, “grosseiros” na aparência (preocupação com o mico leão dourado mesmo). Fica bem mais fácil um desses do que um “de verdade” na mão arrastando por aí.

Antes, disse: mamãe, eu não vou levar. Mas você promete que quando chegar solda ele? E eu: han….????????

“Soldar o quê, Theo?”

“O ventilador pra ele voltar a funcionar”.   

“Mas, o ventilador está quebrado, filho”.

“Não, mamãe. Está não. Eu cortei o fio. Mas é só soldar que ele funciona. Ele não está quebrado. É diferente. Foi só o fio. Pede a Gilberto emprestado”.

Pra me livrar…. “Seu avô Acioli tem. Você pede a ele quando fo lá, ok?”.

“Ok”.

Read Full Post »

Tio Lula é da gastrô: chef  Lula Lins. Dia das Mães foi com almoço de tio Lula: salmão temperado com tomilho. Theo tinha ganho no dia anterior o ventilador com a “pétala” (hélice) quebrada de tia Neusinha. Sem dar sossego… Theo queria resolver o problema da hélice quebrada: assim meu ventilador está feio, mamãe. Pela manhã cedinho, meu pai, foi levar uma flor na casa de cada filho (com filho). Lá em casa, assim que chegou, teve que sair: “vovô, vamos comprar aquela cola “bonder” que cola tudo preu colar meu ventilador. avô é AVÔ. Foi.

Em casa, colaram. Painho desconfiou que aquilo não ia adiantar muito, mas quebrava o galho. Acalmava o “desconsolo” do neto.

Uma, duas, três rodadas dadas por Theo e a hélice foi parar lá não sei onde. “Tio Lula, tio Lula, cola de novo. Tio Lula colou rapidnho. Hélice aparecendo o remendo. E Theo: tio Lula, não ficou bom.

“Bota a faca no fogo e passa aqui que derrete e fica mais colado”. Todo mundo pára. Nessa hora estávamos já impacientes….

“Theo, não invente. Fogo não, filho”. Paciência vai e vem, vem e vai….

Tio Lula, afim de cozinhar com o juízo no lugar, faz o que ele pede sem pausa.

“Assim, tio Lula. Isso mesmo. É igual a solda de Gilberto (o porteiro). Ele fez isso com o pisca pisca da árvore de Natal. Isso é como se fosse a solda. 

Resultado: a hélice deu uma derretida na parte do encaixe entre uma parte e outra. Ficou menos feio, menos na cara. Pra Theo, estava lindão o seu conserto.

Tio Lula pode continuar cozinhando em paz.

ps: depois de algum tempo Theo fez tio Lula mudar a hélice com outro ventilador. E o danado voltou a funcionar. Ligamos pra tia Neusinha pra ele contar a novidade. : )

Read Full Post »